riomar melo prosa e verso
Na vitória meus amigos me conhecem. Na derrota eu conheço meus amigos.
CapaCapa
Meu DiárioMeu Diário
TextosTextos
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livro de VisitasLivro de Visitas
Textos


Papo do malandro magoado


-E assim, pouco a pouco,sacomé
vou tratar de tirar o meu da vaga,
sei que aqui se faz aqui se paga,
nesse papo acredito e levo fé;

Coração de malandro,Zé Mané,
tu deve ta ligado,num divaga,
até o dia em que ele apaga,
o lugar dele é na sola do pé!

Te liga na missão,ver quem te fala,
se tentar vacilar tu vai pra vala,
num tem choro nem vela,vai deitar,

naqueles dias que o troço atravessa,
bicho solto,cumpadi,ta com pressa,
num tem tempo,Mané,nem pra chorar.
RIOMAR MELO
Enviado por RIOMAR MELO em 11/11/2019
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários